Destaques

Nota de Pesar: Itamar Batista (1938-2022)

 

 

Com profundo pesar, o CAU/BA lamenta o falecimento do Arquiteto e Urbanista Itamar José de Aguiar Batista, aos 84 anos, ocorrido hoje (27).

Sua trajetória profissional congrega mais de 30 anos de atuação como professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal da Bahia. Foi autor do projeto do Parque de Exposições Agropecurárias de Salvador e também atuou como Secretário de Urbanismo e Meio Ambiente da Prefeitura de Salvador.

A cerimônia de cremação acontecerá  hoje, às 16h30, no Jardim da Saudade. Itamar Batista deixa esposa e três filhos.

O CAU/BA externa condolências aos familiares e amigos. Abaixo, declaração do Presidente Neilton Dórea sobre seu colega e amigo Itamar Baptista. 

 

 

“ARQUITETO ITAMAR BATISTA (ITAMAR JOSÉ DE AGUIAR BATISTA – 1938/2022).

Itamar Batista, além de excelente arquiteto, que marcou com seus projetos de arquitetura a paisagem de algumas cidades brasileiras, tinha uma conduta ética e humana como poucos e uma capacidade de verbalizar seus pensares de modo assertivo e profundo, além de ter uma escrita escorreita, como gostava de definir nas suas conversas. Casado com Leda Maria, deixa três filhos, Marcos, Lucas e Mila.

Extremamente crítico e, em tempo, transbordava gentileza e educação com todos. Possuía uma ampla cultura, devido ser um leitor voraz, o que alimentava papos intermináveis, com reviravoltas diversas por outros caminhos, para depois voltar a origem. Católico praticante e conhecedor das escrituras, desenvolveu intimidade com todas as lideranças da Igreja, com a qual contribuiu em diversas atividades, principalmente, doando diversos projetos de templos e mosteiros.

Foi Arquiteto da Secretaria da Agricultura do Estado da Bahia, sendo o autor do Parque de Exposição Agropecuária da Bahia. Já estava aposentado há bastante tempo, por ter entrado na mesma ainda adolescente, como mensageiro.    

Foi Secretário de Urbanismo e Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Salvador, em duas gestões, sendo que na última pediu demissão por discordar das atitudes de tentativas de interferências, não adequadas, nas políticas urbanas da Cidade de Salvador.

Começou a ensinar, ainda muito jovem, na Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia, da qual estava aposentado, todavia sempre participava de bancas e Seminários, trazendo imensas contribuições. Foi Mestre de muitas gerações de Arquitetos e, apesar de ter uma atuação exigente e rígida, era muito querido e respeitado por todos seus alunos e pares.

Também, teve atuação na Política Profissional nas entidades de Arquitetura, sendo diretor do IAB-Ba (Instituto dos Arquitetos do Brasil), sempre com posturas críticas em defesa da profissão e da Cidade de Salvador, a qual conhecia de modo histórico e fisicamente, como poucos profissionais.

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo da Bahia apresenta à família do Arquiteto e Mestre Itamar Batista um profundo sentimento de pesar e afirma que a Arquitetura e o Urbanismo brasileiro perde um grande profissional, além da excepcional figura humana, querido por todos que tiveram contato neste imenso universo de atuação que Itamar Batista circulou com maestria e competência, ou deambulou como ele diria (aliás palavra esta que aprendi com ele…)

Arquiteto e Urbanista Neilton Dórea
Presidente do CAU/BA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: CAU/BA
Publicado em 27 de outubro de 2022

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

OUTRAS NOTÍCIAS

Destaques

COMUNICADO

Destaques

NOTA OFICIAL SOBRE A PLATAFORMA PARA OS AMBULANTES NO CIRCUITO BARRA-ONDINA

Destaques

CARNAVAL 2024 | CAU/BA ENCERRA HOJE A FISCALIZAÇÃO IN LOCO EM ESTRUTURAS MONTADAS PARA O CARNAVAL DE SALVADOR

Pular para o conteúdo